Autoprovisionamento de usuários

Use a Workstation para gerenciar os usuários do Data Workbench.

Você pode usar a Workstation para se conectar ao Data Workbench Server, configurando o certificado necessário do Adobe. Este certificado auxilia na comunicação SSL e na autorização para usar os recursos e recursos licenciados. Na autenticação baseada em certificado, é necessário adquirir e configurar vários certificados para usar a estação de trabalho em várias máquinas. Além disso, o provisionamento e os direitos do usuário são gerenciados pelo Adobe e você deve entrar em contato com o Adobe para obter novos certificados ou a revogação de certificados.

A partir do DWB 6.7, a estação de trabalho oferece suporte à autenticação de usuário por meio de nome de usuário e senha.

Embora a autenticação/autorização baseada em certificado ainda funcione para a configuração, é altamente recomendável migrar para a autenticação baseada em credenciais mais recente. Na abordagem mais recente, os usuários da estação de trabalho se autenticam por meio do Adobe Identity Management System (IMS). Antes de poderem usar a estação de trabalho, eles precisam receber acesso aos recursos por meio do Admin Console pelo administrador da organização.

O novo modelo de autenticação e provisionamento de usuário ajuda a:

  • Autoprovisionamento de usuários e grupos por meio do Admin Console. Não é necessário entrar em contato com o Adobe para adicionar, remover ou modificar os direitos de licença dos usuários.
  • Acessar a estação de trabalho de vários computadores sem perder o estado de configuração fazendo logon usando credenciais. O cache local é excluído ao fazer logoff, o perfil atual é fechado e o perfil Configuração fica ativo.

Introdução

Antes de começar, entre em contato com o Adobe para adicionar sua organização ao Admin Console. Dependendo dos serviços que você adquiriu, o Adobe fornecerá a organização para você. Por exemplo, as organizações podem ter acesso ao Serviço de atribuição ou às builds Beta, ou ambos. Quando uma organização é configurada, o administrador da organização pode adicionar usuários e grupos. Consulte Gerenciar usuários e produtos do Experience Cloud no Experience Cloud para obter mais informações. O administrador da organização também pode configurar restrições de uso para usuários diferentes dependendo de suas funções. Por exemplo, usuários que não são de pré-lançamento não precisam acessar as builds Beta.

Cada usuário provisionado adicionado a essa organização por meio do Admin Console terá acesso para usar a Data Workbench. Os subserviços só podem ser ativados ou desativados para cada usuário, dependendo do acesso ao produto. Quando um usuário é atualizado do certificado para o IMS, todos os dados locais são copiados para o novo diretório de usuário do IMS.

OBSERVAÇÃO

Uma sessão dura 6 horas no servidor e 23 horas no cliente, a menos que o token de acesso seja atualizado. Quando o token é atualizado, você pode usar o Client sem fazer logon novamente.

Pelo menos uma Configuração no nível do produto precisa ser criada no Admin Console pelo administrador antes de conceder acesso a qualquer usuário.

O sinalizador booleano Use IMS pode ser adicionado a Insight.cfg para fallback no modo de certificado. Para obter informações sobre como configurar o Controle de Acesso para usuários do IMS, consulte Atualizando o Arquivo de Controle de Acesso.

Resolução de conflitos

Quando um usuário está conectado a várias máquinas com a mesma conta IMS no mesmo perfil e está no modo offline em uma das máquinas, um .conflict pode se formar e uma janela pop-up o informará. Isso ocorre quando há uma diferença no conteúdo com qualquer arquivo (espaços de trabalho, dimensões, filtros etc.) sincronizado em ambos os computadores em User\Profile\ no servidor e no cliente . Um backup será criado no arquivo .conflict e nenhum dado será perdido. Um sinalizador booleano em Insight.cfg fornece a capacidade de desativar essa pop-up de conflito.

Sinalizador: Notificações de conflito

Isso se aplica a espaços de trabalho, métricas, dimensões etc. na Pasta do usuário.

Nesta página