Namespace do SDK do visualizador

O visualizador é criado de vários componentes do SDK do visualizador. Na maioria dos casos, a página da Web não precisa interagir diretamente com a API de componentes do SDK; todas as necessidades comuns são abordadas na própria API do visualizador.

No entanto, alguns casos de uso avançados exigem que a página da Web obtenha uma referência a um componente interno do SDK usando a getComponent() API do visualizador e, em seguida, use toda a flexibilidade das APIs do próprio SDK.

O namespace usado para carregar e inicializar componentes do SDK pelo visualizador depende do ambiente em que o visualizador está operando. Se o visualizador estiver em execução no AEM (Adobe Experience Manager), o visualizador carregará os componentes do SDK no namespace s7viewers.s7sdk. Da mesma forma, o visualizador servido do Dynamic Media Classic carrega o SDK em s7classic.s7sdk.

Em ambos os casos, o namespace usado pelo SDK dentro do visualizador tem s7viewers ou s7classic como o prefixo. E é diferente do namespace simples s7sdk usado no Guia do usuário do SDK ou na documentação da API do SDK.

Por esse motivo, é importante usar um namespace de SDK totalmente qualificado ao gravar um código de aplicativo personalizado que se comunique com componentes do visualizador interno.

Por exemplo, se você planeja ouvir o evento StatusEvent.NOTF_VIEW_READY e o visualizador for exibido a partir de AEM, o tipo de evento totalmente qualificado é s7viewers.s7sdk.event.StatusEvent.NOTF_VIEW_READY, e o código do ouvinte do evento é semelhante ao seguinte:

<instance>.setHandlers({ 
 "initComplete":function() { 
  var videoPlayer = <instance>.getComponent("videoPlayer"); 
   videoPlayer.addEventListener(s7viewers.s7sdk.event.StatusEvent.NOTF_VIEW_READY, function(e) { 
   console.log("view ready"); 
  }, false); 
} 
});

Nesta página