Sintaxe básica do protocolo HTTP de renderização de imagem

Esta seção descreve a sintaxe básica do protocolo HTTP Dynamic Media Image Rendering.

Item

Definição

solicitação

http:// server/ir/render[/ vinheta ] [ ? modificadores ]

server

server_address [ : port ]

vinheta

Especificador de vinheta (caminho de arquivo relativo ou entrada de catálogo de vinheta).

modificadores

modificador *[ & modificador ]

modifier

comando | { $ macro $ } | { . comentário }

comando

{ cmdName | { $ var } [ = valor ]

macro

Nome de uma macro de comando.

comentário

Sequência de comentários (ignorada pelo servidor).

cmdName

Nome de um comando ou atributo.

var

Nome de uma variável personalizada.

value

Valor do comando ou da variável.

server, cmdName, macro e var não diferenciam maiúsculas de minúsculas. O servidor preserva as letras maiúsculas e minúsculas de todos os outros valores da string.

Identificador do servidor

O contexto raiz ' /ir/render' é necessário para todas as solicitações HTTP para Renderização de imagem.

Comentários

Os comentários podem ser incorporados às cadeias de caracteres de solicitação em qualquer lugar e são identificados por um período (.) imediatamente após o separador de comando (&). O comentário é encerrado pela próxima ocorrência de um separador de comando (não codificado). Esse recurso pode ser usado para adicionar informações à solicitação, o que não é para uso do Serviço de imagem, como carimbos de data e hora, IDs do banco de dados etc.

Decodificação HTTP

A Renderização de imagem primeiro extrai object e modifiers da solicitação de entrada. object é então separado em elementos de caminho que são decodificados individualmente por HTTP. A sequência modifiers é separada em command= value pares e value é decodificada por HTTP antes do processamento específico do comando.

Nesta página