Alertas inteligentes

O novo sistema de Alertas inteligentes permite um controle mais detalhado dos alertas e integra a detecção de anomalias ao sistema de alertas.

Visão geral

IMPORTANTE

Os alertas inteligentes estão disponíveis somente para clientes do Adobe Analytics Prime e do Adobe Analytics Ultimate.

O novo Criador de alertas e o Gerenciador de alertas substituem a funcionalidade de alertas existente na Adobe Analytics. Os Alertas inteligentes permitem

  • Criar alertas com base em anomalias (limites de 90%, 95%, 99%, 99,75% e 99,9%; % de alteração; acima/abaixo).
  • Visualizar a frequência de disparo de um alerta.
  • Enviar alertas por email ou SMS com links para projetos do Analysis Workspace gerados automaticamente.
  • Criar alertas “empilhados”, capazes de capturar várias métricas de um só alerta.

Os componentes do novo sistema de alertas incluem: o Criador de alertas, o Gerenciador de alertas, a Visualização de alertas e um melhor acesso ao contexto para criar alertas. A interface do usuário do sistema de alerta anterior não estará mais disponível, mas os alertas serão migrados. Alguns recursos de alerta de legado não estarão mais disponíveis.

Há quatro maneiras de acessar o Criador de alertas:

  • Usando o seguinte atalho no Analysis Workspace:

    ctrl (or cmd) + shift + a

  • Acessando diretamente o Criador de alertas: Workspace > Componentes > Novo alerta .

  • Selecionando um ou mais itens de linha da tabela de forma livre, clicando com o botão direito do mouse e selecionando Criar alerta a partir da seleção. Isso abrirá o Criador de alertas e pré-preencherá o criador com as métricas e filtros apropriados aplicados a partir da tabela. Você pode editar o alerta, se necessário.

  • A partir de um relatório do Reports & Analytics, acessando Mais > Adicionar alerta. Isso abrirá o novo Criador de alertas e pré-preencherá o criador com as métricas e filtros apropriados aplicados a partir do relatório. Você pode editar o alerta, se necessário.

Perguntas frequentes: Como os alertas são calculados e acionados

Os limites % são desvios padrão. Por exemplo, 95% = 2 desvios padrão e 99% = 3 desvios padrão. Dependendo da granularidade de tempo escolhida, modelos diferentes são usados para calcular o quão distante (quantos desvios padrão) cada ponto de dados está da norma. Se você definir um limite mais baixo (como 90%), receberá mais anomalias se definir um limite mais alto (99%), Os limites 99,75% e 99,99% foram criados especificamente para a granularidade horária, de forma que não tantas anomalias não sejam acionadas.

Pergunta Resposta

P: Até que ponto a detecção de anomalias dos alertas vai para determinar anomalias de dados?

O período de treinamento varia com base na granularidade selecionada. Consulte Técnicas estatísticas usadas na Detecção de anomalias para obter mais detalhes. Aqui está um resumo:

  • Mensalmente = 15 meses + mesmo intervalo do ano passado
  • Semanalmente = 15 semanas + mesmo intervalo do ano passado
  • Diariamente = 35 dias + mesmo intervalo do ano passado
  • De hora em hora = 336 horas

P: Se eu desejar ser alertado sobre apenas uma baixa no comportamento ou apenas um aumento, posso usar o recurso de anomalia ou preciso usar o valor absoluto?

Usar o valor absoluto ainda acionaria alertas de baixas e de aumentos. Não é possível isolar alertas apenas para baixas ou aumentos.

P: Posso configurar os alertas para serem acionados apenas durante determinadas horas do dia (como horário comercial ou não comercial)?

Atualmente, não.

P: Posso obter uma tabela dos "valores esperados" que contém a linha pontilhada, ou algum tipo de saída do que são esses valores?

Não na Workspace, mas é possível no Report Builder (assista a este vídeo sobre a Detecção de anomalias no Report Builder ).

Lembre-se de que o Report Builder usa métodos de detecção de anomalias menos sofisticados. Ele usa um período fixo de treinamento de 30 dias, intervalo fixo de 95%.

Nesta página