Regras de processamento e dados de contexto

As Regras de processamento são usadas para copiar os dados enviados em variáveis de dados de contexto para evars, props e outras variáveis de relatório. Para obter mais informações, consulte Regras de processamento.

Ao trabalhar com as regras de processamento, lembre-se das seguintes informações:

  • Agrupe as variáveis de dados de contexto usando o namespace para manter uma ordem lógica. Por exemplo, para coletar informações sobre um produto, você pode definir as seguintes variáveis:

    "product.type":"hat" 
    "product.team":"mariners" 
    "product.color":"blue"
    
  • As variáveis de dados de contexto são classificadas alfabeticamente na interface de regras de processamento, o que permite que você veja rapidamente quais variáveis estão no mesmo namespace.

    Evite nomear chaves de dados de contexto usando o número de evar ou prop:

    "eVar1":"jimbo"
    

    Isso pode tornar um pouco mais fácil ao concluir o mapeamento único nas regras de processamento, mas você perde a legibilidade durante a depuração e futuras atualizações de código, o que pode ser mais difícil. Em vez disso, recomendamos usar nomes descritivos para chaves e valores:

    "username":"jimbo"
    
  • As variáveis de contexto que definem eventos de contador devem ser definidas como 1:

    "logon":"1"
    
  • Variáveis de dados de contexto que definem eventos incrementadores podem ter o evento como a chave e a quantidade que será incrementada como o valor:

    "levels completed":"6"
    
DICA

A Adobe reserva o namespace "a.". Para evitar colisões, o único outro requisito é que as variáveis dos dados de contexto sejam únicas no logon da empresa.

Nesta página