Configurar o Adobe Project Firefly

Os projetos do Asset Compute são projetos do Adobe Project Firefly especialmente definidos e, como tal, exigem acesso ao Adobe Project Firefly no Developer Console para configurá-los e implantá-los.

Criar e configurar o Adobe Project Firefly no Console do desenvolvedor

Click-through da configuração do Adobe Project Firefly (Sem áudio)

  1. Faça logon em Console do desenvolvedor da Adobe usando a Adobe ID associada às contas e serviços provisionados e . Certifique-se de que você é um Administrador do sistema ou está na Função do desenvolvedor para a Adobe Org correta.

  2. Crie um projeto do Firefly tocando em Criar novo projeto > Projeto a partir de modelo > Projeto do Firefly

    Se o botão_ Criar novo projeto ou o Project _Fireflytype não estiver disponível, isso significa que sua Adobe Org não foi provisionada com o Project Firefly.

    • Título do projeto: WKND AEM Asset Compute
    • Nome do aplicativo: wkndAemAssetCompute<YourName>
      • O Nome do aplicativo deve ser exclusivo em todos os projetos do Firefly e não pode ser modificado posteriormente. Prefixar o nome da sua empresa ou organização e fazer o postfix com um sufixo significativo é uma boa abordagem, como: wkndAemAssetCompute.
      • Para autoativação, geralmente é melhor colocar seu nome no Nome do aplicativo, como wkndAemAssetComputeJaneDoe para evitar colisões com outros projetos do Project Firefly.
    • Em Espaços de trabalho adicione um novo ambiente chamado Development
    • Em Adobe I/O Runtime, verifique se Incluir Runtime com cada espaço de trabalho está selecionado
    • Toque em Salvar para salvar o projeto
  3. No projeto Adobe Firefly, selecione Development no seletor de espaço de trabalho

  4. Toque em + Adicionar serviço > API para abrir o assistente Adicionar uma API, use esta abordagem para adicionar as seguintes APIs:

    • Experience Cloud > Asset Compute
      • Selecione Generate a key pair e toque no botão Generate keypair e salve o config.zip baixado em um local seguro para later use
      • Toque em Próximo
      • Selecione o perfil do produto Integrações - Cloud Service e toque em Salvar API configurada
    • Serviços da Adobe > Eventos de E/S e toque em Salvar API configurada
    • Serviços da Adobe > API de gerenciamento de E/S e toque em Salvar API configurada

Acesse a private.key

Ao configurar a integração da API do Asset Compute, um novo par de chaves foi gerado e um arquivo config.zip foi baixado automaticamente. Este config.zip contém o certificado público gerado e o arquivo private.key correspondente.

  1. Descompacte config.zip em um local seguro no sistema de arquivos, pois private.key é usado posteriormente
    • Segredos e chaves privadas nunca devem ser adicionados ao Git como questão de segurança.

Revise as credenciais da conta de serviço (JWT)

As credenciais do projeto do Adobe I/O são usadas pela Ferramenta de desenvolvimento do Asset Compute local para interagir com o Adobe I/O Runtime e precisarão ser incorporadas ao projeto do Asset Compute. Familiarize-se com as credenciais da conta de serviço (JWT).

Credenciais da conta do serviço de desenvolvedor da Adobe

  1. No projeto Adobe I/O Project Firefly, certifique-se de que o espaço de trabalho Development esteja selecionado
  2. Toque em Conta de Serviço (JWT) em Credenciais
  3. Revise as credenciais do Adobe I/O exibidas
    • A chave pública listada na parte inferior tem a contrapartida private.key no config.zip baixado quando a API do Asset Compute foi adicionada a este projeto.
      • Se a chave privada for perdida ou comprometida, a chave pública correspondente poderá ser removida e um novo par de chaves será gerado ou carregado no Adobe I/O usando essa interface.

Nesta página