Configurar o Adobe Project Firefly

Os projetos do Asset compute são projetos do Adobe Project Firefly especialmente definidos e, como tal, exigem acesso ao Adobe Project Firefly no Adobe Developer Console para configurá-los e implantá-los.

Criar e configurar o Adobe Project Firefly no Console do Desenvolvedor do Adobe

Click-through da configuração do Adobe Project Firefly (Sem áudio)

  1. Faça logon em Console do desenvolvedor do Adobe usando a Adobe ID associada às contas e serviços provisionados e . Certifique-se de ser um Administrador do sistema ou no Função do desenvolvedor para a Organização do Adobe correta.

  2. Crie um projeto do Firefly tocando em Criar novo projeto > Projeto a partir de modelo > Projeto do Firefly

    Se o_ botão Criar novo projeto ou o Project _Fireflytype não estiver disponível, isso significa que sua Org do Adobe não está provisionada com o Project Firefly.

    • Título do projeto: WKND AEM Asset Compute
    • Nome do aplicativo: wkndAemAssetCompute<YourName>
      • O Nome do aplicativo deve ser exclusivo em todos os projetos do Firefly e não pode ser modificado posteriormente. Prefixar o nome da sua empresa ou organização e fazer o postfix com um sufixo significativo é uma boa abordagem, como: wkndAemAssetCompute.
      • Para autoativação, geralmente é melhor colocar seu nome no Nome do aplicativo, como wkndAemAssetComputeJaneDoe para evitar colisões com outros projetos do Project Firefly.
    • Em Espaços de trabalho adicione um novo ambiente chamado Development
    • Em Adobe I/O Runtime verifique se Incluir tempo de execução com cada espaço de trabalho está selecionado
    • Toque em Salvar para salvar o projeto
  3. No projeto Adobe Firefly, selecione Development no seletor de espaço de trabalho

  4. Toque em + Adicionar serviço > API para abrir o assistente Adicionar uma API, use esta abordagem para adicionar as seguintes APIs:

    • Experience Cloud > Asset compute
      • Selecione Generate a key pair e toque no botão Generate keypair e salve o config.zip baixado em um local seguro para later use
      • Toque em Próximo
      • Selecione o perfil do produto Integrações - Cloud Service e toque em Salvar API configurada
    • Serviços da Adobe > Eventos de E/S e toque em Salvar API configurada
    • Serviços da Adobe > API de gerenciamento de E/S e toque em Salvar API configurada

Acessar o private.key

Ao configurar o Asset compute API integration, um novo par de chaves foi gerado e um arquivo config.zip foi baixado automaticamente. Este config.zip contém o certificado público gerado e o arquivo private.key correspondente.

  1. Descompacte config.zip em um local seguro no sistema de arquivos, pois private.key é usado posteriormente
    • Segredos e chaves privadas nunca devem ser adicionados ao Git como questão de segurança.

Revise as credenciais da conta de serviço (JWT)

As credenciais deste projeto do Adobe I/O são usadas pela Ferramenta de desenvolvimento de Asset compute local para interagir com o Adobe I/O Runtime e precisarão ser incorporadas ao projeto do Asset compute. Familiarize-se com as credenciais da conta de serviço (JWT).

Credenciais da conta do serviço de desenvolvedor do Adobe

  1. No projeto Adobe I/O Project Firefly, certifique-se de que o espaço de trabalho Development esteja selecionado
  2. Toque em Conta de Serviço (JWT) em Credenciais
  3. Revise as credenciais do Adobe I/O exibidas
    • A chave pública listada na parte inferior tem a contrapartida private.key no config.zip baixado quando a API do Asset compute foi adicionada a este projeto.
      • Se a chave privada for perdida ou comprometida, a chave pública correspondente poderá ser removida e um novo par de chaves será gerado ou carregado no Adobe I/O usando essa interface.

Nesta página