Iniciar APIs de serviços de Documento AEM fluxo de trabalho

Assembler

A AEM Forms fornece workflows personalizados para chamar as seguintes APIs de serviço do Assembler:

  • invocar: Chama as operações especificadas no DDX de entrada nas entradas fornecidas.
  • toPDFA: Converte documento PDF de entrada em documento PDF/A.

Chamar fluxo de trabalho DDX

O fluxo de trabalho Invocar DDX chama a Invoke API de serviço do Assembler, que você pode usar para montar ou desmontar documentos, adicionar uma marca d'água a um PDF e assim por diante.

  1. Arraste a etapa de fluxo de trabalho Invocar DDX sob a guia Forms Workflow no Sidekick.
  2. Clique com o duplo na etapa de fluxo de trabalho adicionada para editar o componente.
  3. Na caixa de diálogo Editar componente, configure documentos de entrada, opções de ambiente e documentos de saída e clique em OK.

Documentos de entrada

O fluxo de trabalho Invocar DDX requer os seguintes documentos de entrada:

  • DDX: É uma entrada obrigatória para a etapa de fluxo de trabalho Invocar DDX e pode ser especificada selecionando uma das seguintes opções no menu suspenso de entrada DDX.

    • Em Relação À Carga: O arquivo de entrada DDX é relativo à pasta de carga do item de fluxo de trabalho.
    • Usar carga: A carga do item de fluxo de trabalho é usada como o documento DDX de entrada.
    • Caminho absoluto: O caminho absoluto para o documento DDX no repositório CRX.
  • Criar mapa do PayLoad: Quando selecionados, todos os documentos na pasta payload são adicionados ao Mapa de Documentos de entrada para a invoke API no Assembler. O nome do nó de cada documento é usado como uma chave no mapa.

  • Mapa do Documento de entrada: Especifica o Mapa de Documentos de entrada. É possível adicionar qualquer número de entradas, onde cada entrada especifica a chave do documento no mapa e a fonte do documento.

Opções de ambiente

A guia Opções de Ambiente permite definir várias opções de processamento para a API de chamada.

  • Nível do log de tarefas: Especifica o nível de log dos logs de processamento.

  • Validar somente: Verifica a validade do DDX de entrada.

  • Erro de falha: Especifica se a chamada para o serviço Assembler deve falhar em caso de erro. O valor padrão é Falso.

Documentos de saída

Dependendo do DDX de entrada, a API de chamada pode produzir vários documentos de saída. A guia Documentos de saída permite selecionar onde o documento de saída será salvo.

  1. Salvar saída na carga: Salva documentos de saída na pasta de carga ou substitui a carga, se a carga for um arquivo.

  2. Mapa do Documento de saída: Permite especificar explicitamente onde salvar cada documento de saída adicionando uma entrada por documento de saída. Cada entrada especifica o documento e onde salvá-lo. Um documento de saída pode substituir a carga ou pode ser salvo na pasta da carga. É útil quando há vários documentos de saída.

  3. Log de tarefas: Especifica onde salvar o documento de log de trabalhos, que é útil para solucionar problemas de falhas.

Converter em fluxo de trabalho PDF/A

A etapa de fluxo de trabalho Converter em PDF/A chama a toPDFA API de serviço do Assembler. É usado para converter documentos PDF em documentos compatíveis com PDF/A.

  1. Arraste a etapa de fluxo de trabalho ConvertToPDFA para baixo da guia Forms Workflow no Sidekick.

  2. Clique com o duplo na etapa de fluxo de trabalho adicionada para editar o componente.

  3. Na caixa de diálogo Editar componente, configure documentos de entrada, opções de conversão e documentos de saída e clique em OK.

Documentos de entrada

Especifique a fonte do documento para conversão em um documento compatível com PDF/A de uma das seguintes maneiras.

  • Em Relação À Carga: O documento de entrada é relativo à pasta de carga do item de fluxo de trabalho.
  • Usar carga: A carga do item de fluxo de trabalho é usada como o documento de entrada.
  • Caminho absoluto: O caminho absoluto do documento de entrada no repositório CRX.

Opções de conversão

As Opções de conversão permitem especificar opções que alteram o processo de conversão de PDF/A.

  • Conformidade : Especifica o padrão PDF/A ao qual o PDF/A de saída deve estar em conformidade.

  • Nível de resultado: Especifica o nível de log a ser usado para logs de conversão de PDF/A.

  • Assinaturas : Especifica como as assinaturas no documento de entrada devem ser processadas durante a conversão.

  • Espaço de cor: Especifica o espaço de cor predefinido a ser usado para o documento PDF/A de saída.

  • ** VerifyConversion: Especifica se o documento PDF/A convertido deve ser verificado para compatibilidade com PDF/A após a conversão.

  • Nível do log de tarefas: Especifica o nível de log a ser usado para os logs de processamento.

  • Schema de extensão de metadados: Especifica o caminho para o schema de extensão de metadados a ser usado para XMP propriedades nos metadados do documento PDF.

Documentos de saída

A guia Documentos de saída permite especificar o destino dos documentos de saída

  • DOCUMENTO PDFA: Especifica o local onde o documento PDF/A convertido é salvo. Ele pode substituir o documento da carga ou ser salvo na pasta da carga.
  • Log de conversão: Especifica o local onde os logs de conversão são salvos. Ele pode substituir o documento de carga ou pode ser salvo na pasta de carga.

Forms

O fluxo de trabalho Renderizar formulário PDF é um invólucro da renderPDFForm API de serviço da Forms para criar um formulário PDF usando um modelo XDP e um xml de dados.

Renderizar fluxo de trabalho do formulário PDF

  1. Arraste a etapa de fluxo de trabalho Renderizar formulário PDF na guia Forms Workflow no Sidekick.
  2. Clique com o duplo na etapa de fluxo de trabalho adicionada para editar o componente.
  3. Na caixa de diálogo Editar componente, configure documentos de entrada, documentos de saída e parâmetros adicionais e clique em OK.

Documentos de entrada

  • Arquivo de modelo: Especifica o local do modelo XDP. É um campo obrigatório.

  • Documento de dados: Especifica o local do xml de dados que precisa ser unido ao modelo.

Documentos de saída

  • Documento de saída: - Especifica o nome do formulário PDF gerado.

Parâmetros adicionais

  • Raiz do conteúdo: Especifica o caminho para a pasta no repositório onde os fragmentos ou imagens usados no modelo XDP de entrada são armazenados.
  • Enviar URL: Especifica o URL de envio padrão para o formulário PDF gerado.
  • Local: Especifica a localidade padrão para o formulário PDF gerado.
  • Versão do Acrobat: Especifica a versão de destino do Acrobat para o formulário PDF gerado.
  • PDF marcado: Especifica se o PDF gerado deve ser acessível.
  • Documento XCI: Especifica o caminho para o arquivo XCI.

Saída

O Fluxo de trabalho Gerar PDF não interativo é um encapsulador em torno da generatePDFOutput API do serviço de saída. É usado para gerar documentos PDF não interativos do modelo XDP e do xml de dados.

Gerar fluxo de trabalho de saída de PDF não interativo  

  1. Arraste o fluxo de trabalho Gerar saída de PDF não interativa na guia Forms Workflow no Sidekick.
  2. Clique com o duplo na etapa de fluxo de trabalho adicionada para editar o componente.
  3. Na caixa de diálogo Editar componente, configure documentos de entrada, documentos de saída e parâmetros adicionais e clique em OK.

Documentos de entrada

  • Arquivo de modelo: Especifica o local do modelo XDP. É um campo obrigatório.

  • Documento de dados: Especifica o local do xml de dados que precisa ser unido ao modelo.

Documento de saída

Documento de saída: Especifica o nome do formulário PDF gerado.

Parâmetros adicionais

  • Raiz do conteúdo: Especifica o caminho para a pasta no repositório onde os fragmentos ou imagens usados no modelo XDP de entrada são armazenados.
  • Local: Especifica a localidade padrão para o formulário PDF gerado.
  • Versão do Acrobat: Especifica a versão de destino do Acrobat para o formulário PDF gerado.
  • PDF linearizado: Especifica se o PDF gerado deve ser otimizado para visualização na Web.
  • PDF marcado: Especifica se o PDF gerado deve ser acessível.
  • Documento XCI: Especifica o caminho para o arquivo XCI.

Nesta página